Site Feedback

PT: A viagem para Portugal

Depois de viajar dos quatros dias cheguei finalmente ao Porto. Portugal é um país tão bonito!

O meu caminho começou na Eslováquia. Atravessei a Áustria, Alemanha e no fim do primeiro dia cheguei na Suíça. Em Zug mora uma minha amiga, da que quis visitar. Vimos Zug juntos com ela e com o marido dela. Tivemos a cerveja e falámos sobre várias coisas, até que foram tão cansados que pudemos só ir à casa. Eu adormeci quase num instante.

Cedo na manhã comemos ovos e depois parti para a minha estação seguinte: Bordéus. As autostradas em França foram bastante vazias. Não é de surpreender, pedágios de portagens são bastante carros lá. Além disso, outras estradas são relativamente em bom estado, então muitos caros evitam as autostradas.

No meio da França, o meu alternator quebrou. Alguém na estação do resto chamou mecânico de automóveis, mas como não falo francês bom, não consegui dizer-lhe que não preciso recuar. Na qualquer maneira, ele recuou-me e prometeu que no dia seguinte alguém olhará no meu motor. Não tive gosto pagar para um hotel e então dormi no meu caro, no quintal de garagem. Isso provavelmente impressionou-o, então eles encontraram um alternator mais velho e também deram-me uma redução :)

No dia seguinte cheguei ao Bordéus. Esta cidade tem um apelido "A cidade amarelo", porque os edifícios são construídas de pedra calcária. O Bordéus é muito bonito, especialmente ao longo da ribeira do rio Garona. Quis passar acolá pelo menos tudo o dia, então pagei pelas duas noites ao hotel. Encontrei com duas meninas americanas, uma daqueles gostou de anime e a segunda teve parentes da Áustria e além disso um israeliano. Juntos descobrimos as ruas dos Bordéus.

O caminho através Espanha foi bastante chato, porque o campo foi muito seco. Mas houve também a excepção - país Basco. Nunca vi montanhas tão vivas, verde e úmidas. Mas o resto da Espanha não foi a grande coisa. Depois, quando entrei Galicia, pude apanhar um rádio português, sentei-me, se voltaria em casa. A região das montanhas, no norte de Portugal foi tanto bonito! Cheguei à tarde, então pude ver as estrelas no céu escuro, mas no horizonte foi um cinto da cor laranja e eu andei em sua direção. Em torno foram muitíssimas luzes das aldeias de montanhas. O ar foi muito agradável. Quando perguntei alguma coisa no posto de gasolina e pude entender, depois da França e Espanha foi um sentimento grandíssimo.

Tive uma viagem ótimo!

Share:

 

3 comments

    Please enter between 0 and 2000 characters.

     

    Corrections

       OOPT 

    PT: A viagem para Portugal

    Depois de viajar quatros dias, cheguei finalmente ao Porto. Portugal é um país tão bonito! 

    A minha viagem começou na Eslováquia. Atravessei a Áustria, Alemanha e no fim do primeiro dia cheguei na Suíça. Em Zug mora uma minha amiga que eu quis visitar. Vimos a cidade de Zug juntos, com ela e o marido dela. Tomamos uma cerveja e falámos sobre várias coisas, até que ficamos tão cansados que  pudemos ir para casa. Eu adormeci quase num instante.

    Cedo de manhã, comemos ovos e depois parti para a minha paragem seguinte: Bordéus. As autoestradas em França estavam bastante vazias. Não é de surpreender, as portagens são bastante caras lá. Além disso, as outras estradas estão relativamente em bom estado, então muitos carros evitam as autoestradas

    A meio da França, o meu alternador avariou. Alguém na estação de serviço chamou um mecânico de automóveis, mas como eu não falo bem francês, não lhe consegui dizer que não preciso de reboque. De qualquer forma, ele reboqueou o carro e prometeu-me que no dia seguinte alguém ía ver o motor. Não quis pagar um hotel e então dormi no meu carro, no quintal da oficina. Isso provavelmente impressionou-o, então eles encontraram um alternador mais antigo e também me deram uma redução no preço. :)

    No dia seguinte cheguei a Bordéus. Esta cidade tem o apelido de "A cidade amarela", porque os edifícios foram construídos de pedra calcária. Bordéus é muito bonito, especialmente ao longo da ribeira do rio Garona. Quis ficar lá pelo menos um dia inteiro, então paguei duas noites num hotel. Encontrei duas meninas americanas, umagostava de anime e a outra tinha parentes na Áustria e um israelita também. Juntos descobrimos as ruas de Bordéus.

    trajeto em Espanha foi bastante chato porque o campo era muito árido. Mas houve também uma exceção - o País Basco. Nunca vi montanhas tão vivas, verde e húmidas. Mas o resto da Espanha não foi grande coisa. Depois, quando entrei na Galiza, pude apanhar uma rádio portuguesa. Perguntei-me se voltaria a casa. A região das montanhas, no norte de Portugal é tão bonita! Cheguei jà tarde, então pude ver as estrelas no céu escuro, mas no horizonte estava uma luz cor de laranja e eu andei nessa direção. Á volta haviam muitíssimas luzes das aldeias nas montanhas. O ar era muito agradável. Quando perguntei alguma coisa no posto de gasolina e pude entender, depois da França e Espanha foi um sentimento grandíssimo.

    Tive uma ótima viagem!

    PT: A viagem para Portugal

    Depois de viajar os quatro dias cheguei finalmente ao Porto. Portugal é um país tão bonito!

    O meu caminho começou na Eslováquia. Atravessei a Áustria, Alemanha e no fim do primeiro dia cheguei na Suíça. Em Zug mora uma minha amiga,  que quis visitar. Vimos Zug juntos com ela e com o marido dela. Bebemos cerveja e falamos sobre várias coisas, até que ficamos tão cansados que só podíamos ir à casa. Eu adormeci quase num instante.

    Cedo na manhã comemos ovos e depois parti para a minha estação seguinte: Bordéus. As autostradas em França estavam bastante vazias. Não é de surpreender, pedágios de portagens são bastante caros lá. Além disso, outras estradas estão relativamente em bom estado, então muitos carros evitam as autostradas.

    No meio da França, o meu alternador quebrou. Alguém na estação do resto chamou o mecânico de automóveis, mas como não falo francês bem, não consegui dizer-lhe que não precisava recuar. De qualquer maneira, ele recuou-me e prometeu que no dia seguinte alguém olhararia o meu motor. Não tive gosto (queria) pagar  um hotel , então dormi no meu caro, no quintal da garagem. Isso provavelmente impressionou-o, então eles encontraram um alternador mais velho e também deram-me uma redução (um desconto?) :)

    No dia seguinte cheguei em Bordéus. Esta cidade tem um apelido "A cidade amarela", porque os edifícios são construídos de pedra calcária.  Bordéus é muito bonita, especialmente ao longo da ribeira do rio Garona. Quis passar pelo menos todo o dia, então pagei pelas duas noites no hotel. Encontrei com duas meninas americanas, uma delas gosta de anime e a segunda tem parentes da Áustria e além disso um israeliano. Juntos descobrimos as ruas de Bordéus.

    O caminho através Espanha foi bastante chato, porque o campo estava muito seco. Mas houve também uma excepção - país Basco. Nunca vi montanhas tão vivas, verde e úmidas. Mas o resto da Espanha não foi  grande coisa. Depois, quando entrei na Galícia, pude ouvir uma rádio em português, sentei-me, se voltaria em casa (?). A região das montanhas, no norte de Portugal foi tão bonita! Cheguei à tarde, então pude ver as estrelas no céu escuro, mas no horizonte havia um cinto (faixa) da cor laranja e eu andei em sua direção. Em torno foram muitíssimas luzes das aldeias nas montanhas. O ar estava muito agradável. Quando perguntei alguma coisa no posto de gasolina e pude entender, depois da França e Espanha foi um sentimento grandíssimo.

    Tive uma viagem ótima!

    Write a correction

    Please enter between 25 and 8000 characters.

     

    More notebook entries written in Portuguese

    Show More