Site Feedback

UM IDÍILO FAMILIAR

Qunado o tempo está mau e o dia é cinzeto, quando a chuva toca o seu fado nos vidros das nossas jenelas, toda a minha familia está em nosa linda cazinha. Nesses dias tranquilos cada um de nós tem um lugar favorido na nossa sala de estar. O noso pai está sentado na sua poltrona de pele lendo um diário ou fazendo uma soneca com esse diário no seu colo, enquanto a nossa mãe está a experimentar as suas habilidades culinárias, fazendo o famoso bolo de canela da nossa avó Dulce. Toda a casa está com cheiro de canela e baunilha. Nessa paz divina nós crianças lutamos entre nos pelo melhor lugar no grande sofá vermelho, para ver um bom desenho animado na televisão. E depois dessa calma manhã , da soneca do pai e do nosso desenho animado, a mãe chama-nos para o almoço. Nós, as crianças , comemos com impaciência, sabendo que depois do almoço à espera de nos está um bolo delicioso de oficina da nossa mãe. A cena do premiero ato desse espetaculo familiar repete depois do almoço. O pai está na sua poltrona, nos estamos sentado no sofá , mas com a nossa mãe desta vez, e o nosso gato está deitado em frente à lareira e ronrona com prazer. Às vezes desejo seja um gato.

Share:

 

0 comments

    Please enter between 0 and 2000 characters.

     

    Corrections

    UM IDÍILO FAMILIAR

    Quando o tempo está mau e o dia é cinzeto, quando a chuva toca o seu fado nos vidros das nossas jenelas, toda a minha familia está em nossa linda casinha. Nesses dias tranquilos, cada um de nós tem um lugar favorito na nossa sala de estar. O nosso pai está sentado na sua poltrona de pele, lendo um diário ou tirando [seria assim no Brasil] uma soneca com esse diário no seu colo, enquanto a nossa mãe está a experimentar as suas habilidades culinárias, fazendo o famoso bolo de canela da nossa avó Dulce. Toda a casa está com cheiro de canela e baunilha. Nessa paz divina, nós, crianças, lutamos entre nós pelo melhor lugar no grande sofá vermelho, para ver um bom desenho animado na televisão. E depois dessa calma manhã, da soneca do pai e do nosso desenho animado, a mãe chama-nos para o almoço. Nós, as crianças, comemos com impaciência, sabendo que, depois do almoço, à espera de nós está um bolo delicioso de oficina da nossa mãe. A cena do premiero ato desse espetáculo familiar se repete depois do almoço. O pai está na sua poltrona, nós estamos sentados no sofá, mas com a nossa mãe, desta vez, e o nosso gato está deitado em frente à lareira e ronrona com prazer. Às vezes, desejo ser um gato.

    Write a correction

    Please enter between 25 and 8000 characters.

     

    More notebook entries written in Portuguese

    Show More